Crohn's News Blog

Weblog – Informação sobre DII

Posts Tagged ‘colite ulcerosa

Estudo: Remicade para doentes com colite ulcerosa moderada a grave

leave a comment »

Estudo: Remicade para doentes com colite ulcerosa moderada a grave

De acordo com os dados de um novo estudo apresentado no 6º Congresso da Organização Europeia da Doença de Crohn e Colite, realizado em Dublin, na Irlanda, os doentes com colite ulcerosa (CU) moderada a grave em falência com corticosteróides estão mais susceptíveis de alcançar remissão livre de corticóides ao receberem terapêutica combinada com Remicade® (infliximab) da MSD em combinação com azatioprina (AZA) do que aqueles que receberam apenas um dos dois fármacos, avança comunicado de imprensa.

O estudo demonstrou igualmente que uma grande parte dos doentes tratados com uma estratégia terapêutica com Remicade® alcançou resposta clínica e cicatrização da mucosa em comparação com aqueles que foram tratados apenas com azatioprina.
Leia o resto deste artigo »

Crohn: Novo probiótico combate doença inflamatória intestinal (DII)

with one comment

Novo probiótico combate doença inflamatória intestinal (DII)

Estudo publicado na revista “PNAS”

Investigadores produziram um novo probiótico, a partir de outro comummente encontrado no iogurte e no queijo, capaz de tratar eficazmente doenças inflamatórias intestinais como a doença de Crohn ou a colite ulcerativa, dá conta um estudo publicado na revista “PNAS”.

A doença de Crohn e a colite ulcerosa são duas doenças crónicas caracterizadas por uma contínua inflamação do tecido, que altera o normal funcionamento do intestino.

Os indivíduos afectados por estas patologias apresentam perda de peso, diarreia, dor abdominal, hemorragias intestinais e cólicas. O tratamento actual não é completamente eficaz sendo que os pacientes podem ter recaídas.
Leia o resto deste artigo »

Crohn e colite: Doença Inflamatória Intestinal (DII) afecta pessoas em idade activa

with one comment

Saúde | DII

Doença Inflamatória Intestinal afecta pessoas em idade activa
A Doença Inflamatória Intestinal (DII), uma patologia crónica grave que interfere com o funcionamento do intestino afecta já mais de 14 mil portugueses e a sua incidência está a aumentar. O crescimento tem vindo a notar-se sobretudo nos países mais industrializados devido aos hábitos alimentares, aos factores ambientais e a estilos de vida mais sedentários que contribuem para o aparecimento da DII em indivíduos geneticamente mais susceptíveis à doença.
.

(clique na imagem para ver em maior)

Esta doença manifesta-se, sobretudo, em jovens adultos e exerce um impacto muito forte na qualidade de vida dos doentes. É uma doença que, pela sua natureza, desencadeia bastante desconforto físico e emocional, levando ao isolamento e à perda de actividade. Embora sem possibilidade de cura, existem terapêuticas eficazes capazes de controlar os sintomas, conseguir remissão clínica e possibilitar uma melhor qualidade de vida aos doentes.
Leia o resto deste artigo »

Homem ingere lombrigas para tratar colite ulcerosa

leave a comment »

Homem ingere lombrigas para tratar colite ulcerosa

Um homem de 29 anos apanhou um vôo rumo à Tailândia e o seu objectivo não era apanhar sol numa qualquer praia paradisíaca. Tinha uma missão bem definida em mente, procurava os ovos de um tipo de lombriga específico que queria engolir, aos milhares.

Este norte-americano, que não se identifica, sofria de uma colite ulcerosa, uma doença cujo tratamento lhe poderia destruir o sistema imunitário e provavelmente causar cancro.

Pesquisou e descobriu que um tipo específico de lombriga poderia impedir a doença de avançar. O médico que o tratava avisou-o de que era loucura e que ingerir aqueles parasitas iria fazer com que adoecesse, mas nada o demoveu.

Entrou em contacto com vários médicos e houve um tailandês que se disponibilizou a encontrar os ovos. Encontrou-os do estômago de uma menina de 11 anos, de onde os extraiu.
Leia o resto deste artigo »

Written by CarlAn

13/12/2010 at 22:05

FDA adverte Roche e Shire sobre publicidade enganosa de fármacos

with one comment

FDA adverte Roche e Shire sobre publicidade enganosa de fármacos

image

A entidade reguladora norte-americana dos EUA, a FDA, advertiu a Genentech, unidade da Roche Holding AG, e a Shire Plc sobre promoções enganosas de fármacos para o cancro e para o intestino, segundo cartas divulgadas na quarta-feira, citadas pela agência Reuters.
.

Numa carta de 29 de Abril, a FDA disse que o material promocional da Genentech fazia reivindicações não comprovadas da eficácia do fármaco para o cancro Rituxan® e não mencionou informações de risco importantes.

O QUE É PENTASA, COMPRIMIDOS DE LIBERTAÇÃO PROLONGADA E PARA QUE É UTILIZADO

O PENTASA, comprimidos de libertação prolongada apresenta-se na forma de comprimidos contendo 500 mg de Messalazina.

O PENTASA, comprimidos de libertação prolongada encontra-se disponível em embalagens blisters ou frascos de vidro de 20 e 60 comprimidos.

O PENTASA, comprimidos de libertação prolongada é utilizado no tratamento de ataques agudos de Colite ulcerosa ligeira a moderada ou na manutenção da remissão na colite ulcerosa ou na Doença de Crohn.



Bula: http://www.infarmed.pt/infomed/download_ficheiro.php?med_id=6761&tipo_doc=fi
image

“O efeito geral dessas publicidades enganosas prejudica a comunicação de informações de risco importantes, sugerindo que o Rituxan® é mais seguro do que tem sido demonstrado”, disse a FDA sobre os materiais que eram destinados a médicos.

O porta-voz da Genentech Edward Lang afirmou que a empresa vai trabalhar para remover todos os materiais enganosos.

A FDA escreveu duas cartas à Shire opondo-se a materiais de vendas de medicamentos para tratar a colite ulcerosa, uma inflamação crónica no intestino.

A agência disse que uma brochura da Shire, desenvolvida para médicos, exagera na eficácia e omite algumas informações sobre o medicamento Lialda®. Outra promoção para médicos fazia reivindicações não comprovadas da eficácia do fármaco da empresa, o Pentasa®.

O porta-voz da Shire Matt Cabrey disse que a empresa deixou de usar as promoções citadas pela FDA e está a trabalhar com a agência para resolver as questões levantadas nas cartas.

.

.

Fonte: pop.eu.com | 2010-05-06

Medicamentos para psoríase comparticipados em 95%

with 3 comments

Medicamentos para psoríase comparticipados em 95%

imageOs doentes com psoríase vão ter direito a uma comparticipação de 95 por cento (escalão A) nos medicamentos queratolíticos e antipsoriáticos, segundo lei hoje publicada em Diário da República.

.

A partir de agora, o médico prescritor deverá mencionar expressamente na receita a lei, assim desta forma o Estado português vai comparticipar em 95% os medicamentos queratolíticos e antipsoriáticos destinados aos doentes portadores de psoríase, que em Portugal são cerca de 250 mil.
.

A 12 de Março, o Parlamento aprovou, em votação final global, o reconhecimento da psoríase como uma doença crónica, pelos que os queratolíticos e antipsoriáticos passariam a ser comparticipados pelo escalão máximo (escalão A).

Leia o resto deste artigo »

APDI: Passatempo para jovens com Doença Crohn e Colite Ulcerosa

with one comment

Jovens com Doença Inflamatória do Intestino (DII) mostram o seu dia-a-dia em imagens

“Agarra o sonho” é o nome de um passatempo promovido pela Associação Portuguesa da Doença Inflamatória do Intestino (APDI), que encoraja os jovens com Doença de Crohn e Colite Ulcerosa a “ilustrar” o seu dia-a-dia com esta patologia.O concurso, dirigido a jovens entre os 18 e os 25 anos, compreende a realização de um trabalho original que represente pictograficamente (por ilustração, pintura, fotografia ou colagens) o que é viver com a Doença Inflamatória do Intestino.

O júri vai avaliar os trabalhos tendo em conta a criatividade da apresentação e a melhor frase associada ao slogan do passatempo “Agarra o sonho”.
,
O vencedor do passatempo acompanhará a APDI no Encontro Europeu de Jovens com DII, organizado pelo grupo de jovens da Federação Europeia das Associações de Doentes de Crohn e Colite Ulcerosa (EFFCA), que decorre de 26 a 29 de Agosto, em Apeldoorn, na Holanda. Os resultados serão divulgados até 20 de Maio, no site da Associação – http://www.apdi.org.pt/

* Sobre a APDI

A APDI foi criada em 1994 e conta actualmente com cerca de 2000 associados, o que a torna uma das maiores associações de doentes em Portugal. O seu objectivo consiste em apoiar e aconselhar os doentes de Crohn e Colite Ulcerosa, informar e divulgar estas patologias e promover a investigação sobre as suas causas e tratamentos, em cooperação com os médicos, enfermeiros, indústria farmacêutica, serviços e entidades públicas.

A nível nacional, é membro da União Distrital das IPSS – Instituições Particulares de Solidariedade Social e da Plataforma da Saúde. A nível internacional é membro da EFFCA – Federação Europeia das Associações de Doentes de Crohn e Colite Ulcerosa.

Informação generica do passatempo (PDF)
http://www.apdi.org.pt/images/stories/agarra_o_sonho_infgenerica.pdf

Condições de participação (PDF)
http://www.apdi.org.pt/images/stories/regulamento_agarra_o_sonho.pdf

APDI: Passatempo para jovens com Doença Crohn e Colite Ulcerosa

, , , ,

Powered by ScribeFire.

Written by CarlAn

05/05/2010 at 01:12

Doença de Crohn: Algumas doenças poderão ser prevenidas a partir da flora intestinal, estudo

leave a comment »

Doença de Crohn: Algumas doenças poderão ser prevenidas a partir da flora intestinal, estudo

Saúde

Doença de Crohn, colite ulcerosa

Algumas doenças podem ser prevenidas a partir da flora intestinal. A conclusão é de um estudo realizado por cientistas europeus. De acordo com os investigadores, uma análise aos intestinos pode ajudar a distinguir entre pessoas saudáveis e doentes.

rtp.pt | 2010-03-30

Powered by ScribeFire.

Written by CarlAn

30/03/2010 at 11:14

Doentes com psoríase, epilepsia e doença de Crohn deixam de pagar taxas moderadoras

with 4 comments

Doentes com psoríase, epilepsia deixam de pagar taxas moderadoras

A proposta do BE, que foi aprovada a 28 de Janeiro na Assembleia da República, afecta também pessoas que sofrem da Doença de Crohn e de Colite ulcerosa.

Por iniciativa do BE, o Parlamento decidiu esta quinta-feira acabar com as taxas moderadoras na Saúde para os doentes com psoríase e epilepsia, bem como para pessoas que sofrem de doenças inflamatórias do intestino, nomeadamente Doença de Crohn e Colite ulcerosa.

A medida foi aprovada com a abstenção do PS e o voto a favor das restantes bancadas.

A proposta do BE tinha como objectivo «dar tratamento igual àquilo que é igual», disse, explicando que estas «doenças crónicas devem beneficiar dos mesmos benefícios que as outras doenças crónicas em Portugal».

João Semedo adiantou que esta medida vai afectar mais de 300 mil pessoas, um «número significativo». Questionado sobre o valor que poderá custar aos cofres do Estado, o bloquista frisou que as «taxas moderadoras são insignificantes enquanto receitas do Estado».

Doença de Crohn: BE quer fim de injustiças e apresenta seis projecto-lei no parlamento

leave a comment »

imageDoença de Crohn: BE quer fim de injustiças e apresenta seis projecto-lei no parlamento

BE apresenta seis projectos para serem  discutidos e votados esta quinta-feira no Parlamento

Seis projectos de lei do Bloco de Esquerda (BE) que visam eliminar “algumas injustiças” a que estão sujeitos os doentes oncológicos, epilepsia, psoríase e doença inflamatória do intestino (colite ulcerosa e doença de Crohn) vão ser discutidos e votados quinta-feira no Parlamento.

Em declarações à Lusa, o deputado do BE João Semedo adiantou que três projectos de lei são sobre a psoríase, uma doença crónica de pele que se estima afectar 250 mil portugueses, surgindo uma média de quatro mil novos casos por ano.

Os três projectos de lei procuram que o Governo declare a psoríase como uma doença crónica, que isente os seus portadores do pagamento de taxas moderadoras e que os doentes sejam beneficiados com o regime de comparticipação de alguns medicamentos pelo escalão máximo (95 por cento), explicou.

João Semedo lembra que “o actual regime de isenção de taxas moderadoras não contempla um conjunto de doenças crónicas, entre as quais a psoríase, que implicam uma elevada recorrência dos doentes ao Serviço Nacional de Saúde (SNS)”.

Outros dois projectos de lei têm como objectivo isentar os portadores de doença inflamatória do intestino (colite ulcerosa e doença de Crohn) das respectivas taxas moderadoras.

Leia o resto deste artigo »

A vida para além da doença intestinal, (DII) doença de Crohn e colite ulcerosa

leave a comment »

A vida para além da doença intestinal, (DII) doença de Crohn e colite ulcerosa

Pediatria: Pais, médicos e enfermeiros mobilizados

Dores de barriga, alterações frequentes ao nível do intestino, anemia e, em pediatria, perturbação do crescimento. São os sintomas das “doenças inflamatórias do intestino” (DII), que no caso das crianças significam limitações em períodos únicos da sua vida escolar, social e afectiva.

Leia o resto deste artigo »

DII: Identificado biomarcador que permite prever surtos de Doença Inflamatória do Intestino, Colite Ulcerosa e Doença de Crohn

with one comment

Uma equipa de especialistas espanhóis identificou um biomarcador que ajuda a prever recaídas em pessoas com Doença Inflamatória do Intestino (DII)  em estado de remissão.

DII: Identificado biomarcador que permite prever surtos de Doença Inflamatória do Intestino, Colite Ulcerosa e Doença de Crohn

A análise das concentrações de calprotectina nas fezes destes doentes revelou que a existência de níveis mais elevados desta proteína está associada a um aumento do risco de exacerbações dos sintomas, anuncia a Schering-Plough, em comunicado.

Leia o resto deste artigo »

Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.

%d bloggers like this: