Crohn's News Blog

Weblog – Informação sobre DII

Cancro do intestino vitima dez portugueses por dia, europacolon pressiona para maior rastreio

leave a comment »

Todos os anos são diagnosticados em Portugal 6500 casos de cancro do intestino, existindo 80 mil doentes activos, todos os dias Imagemorrem dez portugueses vítimas da doença

Cancro do intestino vitima dez portugueses por dia, europacolon pressiona para maior rastreio

Os números poderiam ser bem diferentes se existisse no país um “rastreio nacional”, adiantou ao semanário Grande Porto, Vítor Neves, presidente da Europacolon – Associação de Luta Contra o Cancro do Intestino.

Image

“O cancro do intestino é a doença oncológica mais mortal em Portugal. Existe uma taxa de mortalidade superior a 50%.

Mas não é uma doença flash. A sua origem é comportamental e dá sintomas, pelo que se a população portuguesa estiver atenta e se existir um rastreio nacional, o cancro poderá ser detectado a tempo e há 50% de probabilidade de cura ou estabilização da doença”.

Vítor Neves defende ainda que a implementação do rastreio nacional, para além de poupar muitas vidas, permite ao Estado reduzir a sua despesa anual, sendo mais barato investir na prevenção do que na realização de cirurgias e outros tratamentos.

A Europacolon, única associação portuguesa dedicada às doenças do intestino, tem um manifesto online, no seu site internacional, disponível até Janeiro de 2010, com o objectivo de pressionar o Governo e o Parlamento Europeu para a implementação de normas, nomeadamente o rastreio.

Image

A associação vai realizar também um apelo para que se diminuam os tempos de espera de cirurgias e de exames complementares de diagnóstico.

• europacolon – Prevenção

A “europacolon” nasceu da necessidade de haver mais prevenção e difusão do diagnóstico precoce. Segundo Vítor Neves, um estudo realizado em 2007 revelou que mais de 50% dos portugueses desconhecem os sintomas.

Assim, a associação alerta a população para estar atenta aos sintomas, nomeadamente aparecimento de sangue nas fezes, alteração dos hábitos intestinais, dores abdominais, cansaço e emagrecimento sem razão aparente.

“A partir dos 50 anos todas as pessoas devem realizar um rastreio, assim como todos aqueles que tenham tido familiares portadores da doença”, sublinha Vítor Neves, acrescentando que se devem ter atitudes preventivas, como exercício físico regular, alimentação saudável, entre outras.

A associação disponibiliza uma linha de atendimento (808 200 199) e consultas grátis de Psicologia e Nutrição, na sua sede no Porto.

Fonte: pop – Portal Oncologia Potuguês
http://www.pop.eu.com/

Written by CarlAn

02/12/2009 às 01:32

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: