Crohn's News Blog

Weblog – Informação sobre DII

Crohn e colite: Doença Inflamatória Intestinal (DII) afecta pessoas em idade activa

with one comment

Saúde | DII

Doença Inflamatória Intestinal afecta pessoas em idade activa
A Doença Inflamatória Intestinal (DII), uma patologia crónica grave que interfere com o funcionamento do intestino afecta já mais de 14 mil portugueses e a sua incidência está a aumentar. O crescimento tem vindo a notar-se sobretudo nos países mais industrializados devido aos hábitos alimentares, aos factores ambientais e a estilos de vida mais sedentários que contribuem para o aparecimento da DII em indivíduos geneticamente mais susceptíveis à doença.
.

(clique na imagem para ver em maior)

Esta doença manifesta-se, sobretudo, em jovens adultos e exerce um impacto muito forte na qualidade de vida dos doentes. É uma doença que, pela sua natureza, desencadeia bastante desconforto físico e emocional, levando ao isolamento e à perda de actividade. Embora sem possibilidade de cura, existem terapêuticas eficazes capazes de controlar os sintomas, conseguir remissão clínica e possibilitar uma melhor qualidade de vida aos doentes.

• Existem 14 mil doentes em Portugal; um milhão na Europa
• Manifesta-se em idade activa, predominantemente entre os 20 e os 40 anos
• Em 20 por cento dos casos a doença tem início durante a infância ou adolescência

É com o intuito de contribuir para uma visão actualizada das práticas médicas e evoluções da patologia, que o Grupo de Estudos da Doença Inflamatória Intestinal (GEDII) promoveu, sexta-feira e sábado uma reunião científica que juntou cerca de 100 especialistas nacionais e oradores internacionais convidados.

De acordo com Francisco Portela, Presidente do Grupo de Estudos da Doença Inflamatória Intestinal, “o objectivo desta reunião é a troca e partilha de experiências e conhecimentos científicos na área das DII, uma patologia que afecta cada vez mais portugueses e que atinge a população numa fase da vida em que geralmente se encontra no pico da sua carreira profissional”.

Um inquérito realizado pela APDI e pelo GEDII (Grupo de Estudos de Doença Inflamatória Intestinal), em 2007, revelou que um terço dos doentes de Crohn e com Colite Ulcerosa sentem dificuldades no dia-a-dia, bem como dores, ansiedade e depressão, realidades que interferem na sua vida pessoal e profissional.

Gary Lichtenstein, director do Inflammatory Bowel Disease Center, um dos centros com maior experiência a nível mundial, e professor na Universidade da Pensilvânia, EUA, e Mathieu Allez, coordenador do comité científico da ECCO (European Crohn’s and Colitis Organisation) serão os oradores estrangeiros a marcar presença no encontro que decorre até amanhã, no Hotel Miragem, em Cascais.

•Sobre a DII e sua incidência
A DII engloba duas patologias: a Doença de Crohn, que se caracteriza por uma inflamação crónica que pode afectar qualquer segmento do tubo digestivo, comprometendo, mais frequentemente, o intestino delgado no seu segmento terminal (íleo); e a Colite Ulcerosa, doença crónica que afecta a camada interna (mucosa) que reveste o intestino grosso ou cólon, deixando-a inflamada e com pequenas feridas na superfície (úlceras) que podem sangrar. Diarreia, dor abdominal, fadiga, febre, emagrecimento e sangue nas fezes são os sinais e sintomas mais frequentes destas patologias.

•Sobre a doença de Crohn
A doença de Crohn é uma doença inflamatória crónica do intestino de causa desconhecida. O processo inflamatório pode atingir qualquer parte do aparelho digestivo. As localizações electivas são a parte terminal do intestino delgado (íleo) e o intestino grosso (cólon). A inflamação atinge, geralmente, toda a espessura da parede intestinal e provoca úlceras (feridas) do seu revestimento interior.

•Sobre a colite ulcerosa
A colite ulcerosa é uma doença crónica que afecta a camada interna (mucosa) que reveste o intestino grosso ou cólon. Esta mucosa fica inflamada e apresenta pequenas feridas na superfície (úlceras) que podem sangrar. A mucosa inflamada produz ainda uma quantidade excessiva de muco (podendo aparecer pus e sangue nas fezes). A colite ulcerosa é uma situação crónica com tendência a agudizar-se de tempos a tempos durante uma série de anos.

via LPM

Uma resposta

Subscribe to comments with RSS.

  1. […] of Medicine” »»Crohn: Novo probiótico combate doença inflamatória intestinal (DII) »»Crohn e colite: Doença Inflamatória Intestinal (DII) afecta pessoas em idade activa »»Portugueses com Artrite Reumatóide, Psoríase, Espondilite Anquilosante e Artrite Psoriática […]


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: